Uber vai pagar US$ 1 milhão a passageira cega por corridas canceladas

Uma passageira cega que teve corridas canceladas por motoristas da Uber que se recusaram a levar seu cão-guia será indenizada em US$ 1,1 milhão (cerca de R$ 6,22 milhões) nos Estados Unidos. Lisa Irving chegou a perder dias de trabalho, sua própria festa de aniversário e um Natal por causa das viagens recusadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *